Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Saúde

Workshop discute Complexo Regulador da Saúde

Primeiro dia do evento debateu Redes de Atenção à Saúde

Publicado em: 12 de dezembro de 2019 às 15:33 | última atualização: 12 de dezembro de 2019 às 15:33

A Secretaria Municipal de Saúde deu início nesta quinta-feira (/12/12) ao II Workshop em Regulação em Saúde. O evento recebeu cerca de 300 profissionais da área, entre médicos, enfermeiros, gestores, estudantes de graduação e pós-graduação, além de membros do Judiciário, do Ministério Público e da Defensoria Pública e secretários de Saúde.

O objetivo é debater o papel da gestão pública e todos os processos e fluxos do sistema regulador de vagas de internação, cirurgias, consultas e exames. “Queremos fomentar a melhoria na efetivação dos serviços. Então, quando a gente traz uma discussão científica, com acadêmicos, com pesquisadores, significa que a secretaria está preocupada em garantir essa melhoria”, explica a superintendente de Regulação da SMS, Andreia Alcântara.

Na abertura do workshop foi realizada a conferência magna sobre “Política Nacional de Regulação”, com o coordenador geral de regulação e avaliação do Ministério da Saúde, João Marcelo Barreto Silva. “O acesso do usuário não é necessariamente um gargalo do complexo regulador. Os gargalos de hoje estão na capacidade do sistema em prover serviços próprios ou contratados, seja de consulta, de exame, de cirurgia eletiva e até das urgências”, explicou o coordenador do MS.

Também foi abordado durante mesa-redonda as "Redes de Atenção à Saúde", com  temas sobre planificação de redes, transparência na fila de espera, efetividade das contratualizações e os protocolos clínicos de encaminhamento e o fluxo da atenção primária.

Este ano a novidade do workshop é a realização do Curso Introdutório de Regulação, destinado aos profissionais da área. O curso é dividido em três módulos sobre protocolos clínicos, contratualização e rede de atenção à saúde.

“Todos os profissionais, seja gestor ou prestador de serviço, que de uma forma ou de outra trabalham com o complexo regulador, precisam estar em contato com temas como estes apresentados neste workshop, para que os processos sejam aprimorados e o acesso do cidadão garantido”, afirmou a secretária municipal de Saúde de Goiânia, Fátima Mrué.

A programação continua nesta sexta-feira (13/12) com foco na Contratualização na Saúde Pública. 

 Adriana Moraes, da editoria de Saúde