Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Infraestrutura

Obras no Centro visam acabar com enchentes e alagamentos

A rede, de 2,6 km de extensão e orçamento de R$ 7,5 milhões, será totalmente concluída em agosto de 2020

Publicado em: 19 de junho de 2019 às 10:49 | última atualização: 02 de julho de 2019 às 08:37

A região central de Goiânia, principalmente entre a Praça Cívica e a Avenida Independência, na região da 44, sofre durante o período chuvoso, por causa do alto índice de impermeabilização do solo. Com a construção da rede de drenagem, já em processo acelerado, o problema terá uma solução definitiva.

Com orçamento de R$ 7,5 milhões e extensão de 2,6km, a rede, que integra o complexo do BRT, permitirá o lançamento das águas pluviais no Córrego Capim Puba, solucionando o problema com enchentes e alagamentos na região da Rua 44, Avenida Independência, Praça do Trabalhador, Avenida Goiás e adjacências, Praça do Bandeirante e Praça Cívica.

O projeto da rede é audacioso e conta com uma tubulação em Ribiloc (PVC), de 500mm de diâmetro, na Praça Cívica (início), e de 1.600mm de diâmetro (1,60m), no Capim Puba, onde será o lançamento. A capacidade de vazão é de 10 mil litros de água por segundo.

Para o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Dolzonan da Cunha Mattos, com o sistema de drenagem, Goiânia dará um salto qualitativo muito grande na área de saneamento ambiental, proporcionando a uma região muito populosa, mais segurança no período de chuva. “As ruas têm sido os canais de condução das águas pluviais, com essa rede de drenagem que estamos construindo, vamos solucionar o problema de enchentes e alagamentos e a região central estará segura no período das chuvas”, afirma.

Rede de drenagem
A obra teve inicío em março deste ano e, por ser o trecho mais complexo, começou pela Rua 4, no Setor Norte Ferroviário, onde fará o lançamento no Capim Puba, de lá passará pela Avenida Oeste, no Setor Marechal Rondon, seguirá pela Rua 74 e subirá a Avenida Goiás, cruzará a Avenida Independência e chegará até a Praça Cívica. Entre a Independência e a Praça Cívica, cerca de 1,9km, a rede será dupla.

O trecho entre o Setor Norte Ferroviário e a Avenida Independência deverá ser concluído até o final do próximo mês. A sequência, na Avenida Goiás, avançará em conjunto com os demais serviços do BRT, com revitalização completa – calçamento, paisagismo, iluminação, sinalização de trânsito – com previsão de término para agosto do próximo ano.

Nara Serra, da editoria de Infraestrutura
Fotos: Guilhermino Vieira