Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Prefeito

Prefeito Iris Rezende abre Congresso da Fenafim 2019

Evento reúne em Goiânia auditores e fiscais de tributos de vários municípios do Brasil para discutir as bases e avanços da legislação tributária e os compromissos da categoria com a justiça fiscal e os princípios da cidadania

Publicado em: 20 de novembro de 2019 às 13:24 | última atualização: 20 de novembro de 2019 às 15:24

O prefeito Iris Rezende abriu oficialmente, na manhã desta quarta-feira (20/11), o XXXI Congresso Nacional da Federação Nacional dos Auditores e Fiscais de Tributos Municipais (Fenafim), evento que reúne auditores e fiscais tributários de todo o País para a realização de painéis e palestras sobre as políticas tributárias dos municípios. O encontro ocorre no Mercure Hotel, no Setor Oeste, em Goiânia, e vai até a próxima sexta-feira (22/11).

O secretário municipal de Finanças de Goiânia, Alessandro Melo, abriu a rodada de palestras com o tema: “A Lei Orgânica da Administração Tributária (LOAT) como instrumento de crescimento da receita própria do município”. Melo é um dos responsáveis pela implantação das políticas de arrecadação e fiscais no âmbito do município de Goiânia e que foram responsáveis para o reequilíbrio das contas públicas da Prefeitura, criando condições administrativas e financeiras para que o prefeito Iris Rezende pudesse lançar o maior volume de obras da história recente de Goiânia, algo em torno de R$ 1,4 bilhão até o final de 2020.

Ao saudar os presentes, o prefeito Iris Rezende lembrou a construção de Goiânia, na década de 1930, fato histórico que teve o objetivo de trazer o progresso para a região centro-oeste do Brasil e também a condição de penúria financeira em que se encontrava a Capital quando assumiu a prefeitura pela primeira vez, em 1966. De acordo com o prefeito, é preciso reconhecer o trabalho desenvolvido pelos auditores e fiscais tributários dos municípios, uma vez que são eles que criam as condições para que a administração pública possa atender as demandas da população. “Sem eles, não existe arrecadação e sem arrecadação a administração pública não existe”, pontuou.

O Fenafim 2019 também conta com o apoio e organização da Associação dos Auditores de Tributos do Fisco Municipal de Goiânia – AFFIM-Goiânia e Sindicato dos Auditores de Tributos do Fisco Municipal de Goiânia – SINDIFFIM-Goiânia, entidades que congregam auditores e fiscais de tributos da capital.

A programação oficial do evento prevê uma série de palestras sobre legislação tributária e a realização de painéis para discussão de temas como a importância da integração do fisco municipal com a Delegacia de Crimes Contra a Ordem Tributária (DOT) e o Ministério Público, perspectivas da carreira de auditoria tributária municipal e reforma tributária.

Iris Rezende foi homenageado pelo apoio dado à realização do evento e aproveitou para fazer uma defesa dos municípios brasileiros. Ele sugeriu que, ao final do encontro, os auditores e fiscais tributários, por meio de suas associações, possam expressar posição contrária à proposta de extinção dos pequenos municípios. De acordo com o prefeito, é preciso cobrar excelência nas gestões das prefeituras, mas extinguir pequenas cidades seria um erro histórico e social.

Cloves Reges, da Diretoria de Jornalismo
Foto: Jackson Rodrigues