Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Educação

Escolas executam ações em celebração ao Dia do Surdo

Marcando o Setembro Azul, mês em que é celebrado o Dia Nacional do Surdo, unidades promovem eventos que incentivam a inclusão; Prefeitura mantém equipe pedagógica para auxiliar na educação de surdos

Publicado em: 26 de setembro de 2019 às 09:28 | última atualização: 26 de setembro de 2019 às 09:28

Escolas da rede municipal realizaram, durante o mês de setembro, diversas ações de integração entre alunos surdos e seus colegas. A programação faz referência ao Dia Nacional do Surdo, em 26 de setembro, e tem o objetivo de desenvolver a reflexão sobre os direitos e inclusão das pessoas com deficiência auditiva na sociedade. Para celebrar essa data importante, escolas realizam nesta quinta-feira (26/9), apresentações diversas (veja programação abaixo), ressaltando a valorização da cultura surda e seus direitos.

A Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME) reconhece os direitos de todos a uma educação de qualidade. Especificamente aos surdos, a Pasta reconhece os direitos educacionais e linguísticos que esses sujeitos possuem de crescerem bilíngues no que se refere às duas línguas envolvidas, o português na modalidade escrita e a Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O decreto 10.436 da Lei da Acessibilidade consta que a Língua Brasileira de Sinais (Libras) é reconhecida como segunda língua oficial do Brasil. A necessidade da comunicação em língua de sinais é muito importante para a comunidade surda, que chega a ser 7% da população, segundo o último Censo do IBGE 2010.

Atualmente é garantido ao surdo um tradutor intérprete de Libras nas escolas, sejam públicas ou privadas. A SME tem, como uma de suas prioridades, promover a inclusão de educandos com necessidades especiais específicas e por isso, a rede conta com dois Centros Municipais de Apoio à Inclusão, Cmai Brasil Di Ramos Caiado e Cmai Maria Thomé Neto.

Em seu quadro de servidores, a SME conta com, além de um professor para cada educando, mais oito professores de Libras estrategicamente modulados em coordenadorias regionais de educação para propiciar, nas instituições com surdos matriculados, a formação e orientação específicas em contexto.

O intuito é que seja desenvolvida uma educação de qualidade para esses alunos. Atualmente, são atendidos 78 educandos em 54 unidades da rede. Os educadores presentes nas instituições realizam a função de interpretar as aulas e auxiliam na inclusão do educando surdo em sala, junto aos colegas e a instituição como um todo.

A SME, executa ações que visam incluir ainda mais os educandos surdos, propiciando lhes interação comunicativa, aprendizagem e desenvolvimento, pautada por uma política de inclusão social e ciente de sua responsabilidade social em promover uma educação de qualidade para todos.

Programação do Dia Nacional do Surdo na rede municipal

  • Escola Municipal Irmã Veneranda: Apresentação de um vídeo em Libras sobre o Dia do Surdo e trabalhará com os educandos uma música em Libras
  • Escola Municipal Engenheiro Robinho - será realizada gincana sobre a temática e exibição de vídeos e documentários sobre a surdez, painel do Setembro Azul
  • Escola Municipal Monteiro Lobato - palestra com adulto surdo sobre a importância da LIBRAS para a comunicação, Painel temático e sensibilização dos estudantes para valorização da Cultura Surda.
  • Escola Municipal Padre Lima: apresentação de filmes sobre o Dia do Surdo e uma sorvetada para encerrar as comemorações
  • Escola Municipal Professora Nara Carmo - Painel temático, palestra para valorização e respeito à Cultura Surda.

Adriene Bastos, da Editoria de Educação e Esporte