Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Segurança

Defesa Civil faz alerta de mais chuva em Goiânia

Recomendação é para que população fique atenta ao primeiro sinal de chuva forte e evite locais com risco de alagamentos

Publicado em: 24 de janeiro de 2020 às 15:56 | última atualização: 24 de janeiro de 2020 às 15:57

A Defesa Civil de Goiânia alerta para a previsão de chuvas intensas neste fim de semana. A previsão do tempo indica condição para precipitações significativas, com riscos de transtornos para a população, principalmente em áreas sujeitas a alagamentos. A orientação é que moradores estejam atentos ao primeiro sinal de chuva forte e evite locais de inundações.

De acordo com Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas do Estado de Goiás (CIMEHGO), neste sábado (25/1) um corredor de umidade que atua sobre o Estado propicia a formação de áreas de instabilidade em todas as regiões, com isso, haverá pancadas de chuvas isoladas que podem ser localmente fortes. O mesmo poderá ocorrer no domingo (26/1).

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Francisco Vieira, muitas áreas de risco já foram visitadas para diagnóstico e outras serão monitoradas pelas equipes. “Recentemente, visitamos a Vila São José, o Setor Gentil Meirelles, a Vila Santa Helena, a Vila Fernandes e continuamos alertando a população sobre os riscos em locais de alagamento em Goiânia”.

Ele recomenda que, ao primeiro sinal de chuva forte, a população que reside em áreas  de risco se mantenha em alerta quanto ao nível de subida das águas, mesmo à noite. E caso esteja na rua, que evite, ao máximo, estar em áreas alagadas. “O melhor é ficar em casa no momento de uma chuva forte. No entanto, se já estiver no trânsito, a atenção é fundamental. O motorista deve procurar áreas elevadas para estacionar o veículo e aguardar o nível da água baixar”, orienta.

Francisco Vieira pede à população que ligue para o telefone 153 caso haja alguma situação de risco em função das chuvas. O telefone da Defesa Civil estadual é 199 e do Corpo de Bombeiros é 193. Os órgãos também podem ser acionados.

Luiz Galvão, da editoria de Segurança