Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Assistência Social

Alunos de escolas municipais participam de mutirão oftalmológico

Projeto Olhar Carente é resultado de parceria entre Secretaria de Saúde, Assistência Social, Educação e Esporte, Fundação Banco de Olhos e Óticas Hoya

Publicado em: 18 de outubro de 2019 às 10:30 | última atualização: 31 de outubro de 2019 às 11:25

Cerca de 400 alunos de 31 escolas municipais participam, na manhã deste sábado (19/10), do Projeto Olhar Carente, um mutirão oftalmológico na Fundação Banco de Olhos. A ação é uma iniciativa da Prefeitura de Goiânia, por meio das secretarias municipais de Assistência Social (Semas), de Saúde (SMS) e Educação e Esporte (SME), em parceria com o hospital e a ótica japonesa Hoya.

No evento, serão realizados exames de acuidade visual, teste de daltonismo, consultas, exames oftalmológicos e, posteriormente, a doação dos óculos, visando a prevenção à baixa visão e à promoção de hábitos saudáveis voltados para educação, articulada de forma intersetorial. A seleção das crianças foi feita com base em triagem do Programa Saúde na Escola (PSE), desenvolvido entre SME e SMS, e contempla alunos a partir de seis anos.

Atualmente, 220 equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) fazem parte do PSE e acolhem 154 instituições de ensino, sendo 14 escolas estaduais, 70 municipais e 70 Centros de Educação Infantil (CMEI), totalizando 55.582 alunos assistidos pelo programa. 

O Ministério da Saúde estima que 30% das crianças em idade escolar apresentam alguma deficiência oftalmológica (erros de refração, ambliopia, conjuntivite, estrabismo, sequela de acidente ocular, malformação congênita etc.). De acordo com o Conselho Brasileiro de Oftalmologia, cerca de 20% dos alunos necessitam de óculos, sendo que 5% apresentam menos de 50% da visão normal sem correção. A deficiência na visão, além de ser uma questão prejudicial à qualidade de vida, constitui fator decisivo para a evasão e repetência escolar.

Os atendimentos serão realizados entre 7h e 12h, na Fundação Banco de Olhos, localizada no Jardim da Luz. A solenidade de abertura está marcada para 9h30, no auditório do hospital. Ao todo, cerca de 12 médicos farão os exames e consultas.

Serviço

Assunto: Alunos de escolas municipais participam de mutirão oftalmológico

Dia: 19/10

Horário: 7h às 12h (solenidade de abertura às 9h30)

Local: Fundação Banco de Olhos, Jardim da Luz

Contato: Assessoria de Imprensa SME – 3524-5054

Núbia Alves, da Editoria de Educação e Esporte, e Anna Carolina Cruz, da Diretoria de Jornalismo

Foto: Ascom / SMS